Matérias

 

Sítio arqueológico com objetos de 11 mil anos é descoberto em São Manuel

O mais novo sítio arqueológico do Brasil foi descoberto este mês às margens do Rio Tietê, na zona rural de São Manuel (SP). Os objetos, encontrados durante um estudo de impacto ambiental para a ampliação da área de uma usina, foram feitos pelo homem há 11 mil anos, dizem pesquisadores. Uma descoberta que pode até mudar a teoria sobre a chegada dos humanos à América.

 

Os pesquisadores escavaram o solo em onze diferentes pontos em até dois metros de profundidade. Eles encontraram instrumentos de caça e de uso doméstico utilizados por povos que viveram na Era das Pedras. O material foi produzido com silexito e arenito de silexificado, nomes de rochas originais do Centro-Oeste Paulista.

 

Para saber a data em que os objetos foram feitos, os pesquisadores enviaram amostras de carvão que estavam junto com o material para um laboratório nos Estados Unidos e o resultado surpreendeu os arqueólogos. De acordo com o estudo, as datas aproximadas de fabricação dos artefatos são de entre 9 a 11 mil anos atrás. O mais antigo foi  encontrado a uma profundidade de 1,7 metro  da superfície do solo.

 

O menos antigo estava 1,10 metro de profundidade. O arqueólogo Lucas Troncoso explica que o achado é importante porque pode provocar uma mudança na teoria sobre a chegada dos humanos à América. A teoria mais aceita é a de que os humanos vieram da Ásia, atravessaram o estreito de Bering e entraram no continente pelo norte, até chegarem à América do Sul.

 

Os estudos poderão mostrar que esses povos possam ter vindo de outros lugares como a Oceania ou África. “A gente pode até chegar a pensar que a entrada dos homens pelo estreito de Bering se deu antes das datas que sabemos, mas é possível também que eles podem ter vindo pelo Pacífico e atráves do Atlântico vindos da África”, afirma o arqueólogo Lucas de Paula Souza Troncoso.

 

Objetos datados de cerca de 11 mil anos atrás (Foto: Reprodução / TV TEM)

 

O estudo do sítio arqueológico Caetetuba será aberto à comunidade. Os historiadores vão divulgar o resultado da pesquisa aos alunos da rede pública de ensino em cidades da região. “A gente está preparando um material didático que vai acompanhar esse material de campo que vai chegar e vamos montar uma exposição que vai receber alunos, professores e a comunidade em geral de Botucatu, São Manuel, Igaraçu do Tietê, Pratânia e Areópolis”, explica a historiadora Daniela Dionízio.

 

O levantamento arqueológico foi feito a pedido de uma usina de açúcar e etanol que vai expandir a área de cultivo de cana. O estudo faz parte do protocolo para o licenciamento da área exigido pelo Instituto do Patrimônio Histórico Cultural e Artístico Nacional. E ninguém por aqui imaginava que ao lado das lavouras, havia tanta história escondida debaixo da terra.

“Para nós é um bom exemplo de preservação e cuidado do capital econômico do setor privado junto ao patrimônio histórico, que é muito relevante nesse sentido. E foi uma grande surpresa a gente ter encontrado um artefato datado de 11 mil anos”, conta o gerente administrativo, Silvio Nicoletti.

 


Descoberta foi feita em uma área de uma usina na zona rural de São Manuel (Foto: Reprodução / TV TEM)


 

Autor: http://g1.globo.com

Postada em: 10/06/2016

 

 

 

Participe

NOME

CIDADE / ESTADO

PEDIDO

 

Top 10

1

Eu Sei de Cor
Marília Mendonça

2

126 Cabides
Simone e Simaria

3

Sim ou Não
Anitta e Maluma

4

Medo Bobo
Maiara e Maraísa

5

Homem de Família
Gusttavo Lima

6

Dia, Hora e Lugar
Luan Santana

7

Meu Coração Deu PT
Wesley Safadão e Matheus & Kauan

8

O Que Houve?
Mano Walter e Marília Mendonça

9

Sou Eu
Ludmilla

10

E Essa Boca Aí?
Bruninho & Davi e Luan Santana

 

 

Parceiros





















TROPICAL FM 93 - A MELHOR E PRONTO